Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2010

70 ANOS DE EDSON ARANTES DO NASCIMENTO, O PELÉ.

Pelé disse Love, Love,Love...







 Foram mais de 1.000 gols, dois títulos mundiais de clube, três pela seleção brasileira e outros campeonatos nacionais ,que fizeram de Edson Arantes do Nascimento, um mito do futebol mundial.
Sua carreira já começou grandiosa:aos 17 anos encarou jogar pela seleção canarinho, e se sagrou campeão mundial  em 1958, na Suécia. Começava com o pé direito, uma carreira de vinte anos de dribles e gols inesquecíveis , encerrada no Cosmos dos Estados Unidos.






Pelé, foi e ainda é , uma espécie de embaixador brasileiro e do futebol.Como poucos ,soube preservar sua imagem de atleta e até certo ponto de bom moço, sendo referência e exemplo para muitos atletas ,de como lidar com o a fama e fazer proveito dela: li recentemente que ele fatura mais que o Messi.
Aos setenta anos e trinta e poucos depois de encerrada a carreira de jogador, Pelé (o atleta do século)deixou um legado de imagens e lembranças tão grande que , mesmo quem não o viu jogar,  tem em seus gols e ou dribles …

FESTIVAL INTERNACIONAL DO RIO DE JANEIRO 2010

Entre  as eleições e votos  aconteceu o maior festival de cinema da America Latina, O Festival Internacional do Rio 2010. Com cerca de 300 filmes , algumas homenagens (Amos Gitai revisado) , uma seleção especial de cinema Argentino , filmes esquisitos premiados, filmes esquisitos desconhecidos, alguns candidatos a clássicos e pequenas obras primas cinematográficas.
Enquanto o Brasil discutia uma questão careta e sem sentido ,e navegava em uma falsa onda moderna verde , guiados por uma messiânica , levando um débil metal tucano para o segundo turno,a cidade maravilhosa mergulhava em duas semanas de filmes e debates cinematográficos.
Da minha seleção, separei quatros filmes que valem a pena ver e rever quando aparecer na telas grandes e ou DVD.
São eles:


* Milos Forman: O que não mata...


Se você gostou de Amadeus, Hair, Estranho no Ninho, vai gostar ainda mais de ver a vida exposta, de uma forma bem pessoal ,de um dos maiores diretores do cinema contemporâneo. Um belo documentário sobre um g…